Mulheres parnamirinenses protagonizam disputa em 2022

Pela ordem: Alda Leda Taveira, Kátia Pires e Nilda Cruz

As eleições de 2022 se aproximam, e com ela, as articulações. Os grupos políticos das mais variadas vertentes já iniciaram os diálogos com vistas a disputa do próximo ano. No terceiro maior colégio eleitoral do estado a temperatura já esquentou e os bastidores estão cada dia mais intensos. Parnamirim poderá protagonizar uma disputa acirrada entre mulheres rumo a uma cadeira na Assembleia Legislativa do RN. O município ficou órfã de um representante da cidade desde que o então deputado Carlos Augusto Maia perdeu a reeleição em 2018.

Os nomes postos não são necessariamente novos. O grupo governista sustentado pelo prefeito reeleito Rosano Taveira (Republicanos), pretende lançar a primeira-dama e atual secretária de Assistência Social do município, Alda Leda Taveira. Alda foi candidata, pelo MDB, à primeira suplência do candidato a senador Antônio Jácome, em 2018, porém não logrou êxito. Seu caminho partidário ainda é uma incógnita, mas algumas agremiações despontam na preferência da secretária, como o MDB, Republicanos e o PSDB. 

Ainda no campo da situação, cogita-se uma candidatura da atual vice-prefeita de Parnamirim, Kátia Pires (Democratas). Kátia já ocupou o cargo de vereadora por cinco vezes e disputou o cargo de deputada estadual nas eleições de 2018, pelo PTC, obtendo a suplência. A democrata possui uma herdeira política, a atual vereadora Carol Pires, e conta com o apoio e a confiança do ex-senador José Agripino Maia, presidente do seu partido no estado. 

A oposição não obstante, anseia disputar uma cadeira na casa legislativa, o nome em destaque é o da ex-vereadora Nilda Cruz. A professora Nilda – como é popularmente conhecida – foi eleita vereadora em 2016 e em 2020 disputou o cargo de prefeita pelo PSL, obtendo expressivos 32 mil votos. As últimas pesquisas são favoráveis a pré-candidata que estuda a possibilidade de se filiar ao PROS, PSC ou o PSB. 

Outros nomes são debatidos nos bastidores da política Parnamirinense, como o da ex-vereadora e ex-vice-prefeita Elienai Cartaxo e do ex-vereador Abidene Salustiano (PSC). Entretanto, Elienai deverá apoiar o nome do atual deputado estadual Kleber Rodrigues (PL), enquanto Abidene avalia a possibilidade de concorrer ao cargo de deputado federal.

Os políticos locais encaram a disputa como uma credencial para que possam disputar a prefeitura do município nas eleições subsequentes. Uma coisa é certa, a cidade trampolim da vitória não quer, novamente, estar ausente na casa legislativa mais importante do estado. 

BLOG DA PRIMA

prima

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo