Taís Araújo revela que Ludmilla está sendo importante no processo de alfabetização de sua filha, entenda!

A atriz comentou sobre isso no programa Altas Horas, exibido no último sábado, dia 6

Taís Araújo participou no último sábado, dia 6, do Altas Horas ao lado de Maria Gadú, Carolina Dieckmann e Ludmilla, e acabou compartilhando com todos os presentes diversas histórias bem-humoradas com as cantoras e também com a atriz.

Uma delas, foi com Ludmilla, onde a esposa de Lázaro Ramos contou que sua filha caçula, Maria Antonia, está em fase de alfabetização e acabou citando o nome da funkeira como exemplo em uma aula online.

Ela pediu: Mãe, me ajuda a escrever peixe, foca. Falei foca é com F de faca, né!? Ela disse: não, foca de foca no meu bumbum. E eu assim: é, pois é… 

Para quem não sabe, Foca no meu bumbum é um trecho da música Rainha da Favela de Ludmilla. E como a aula estava sendo online, a professora acompanhou toda a interação entre a atriz e a pequena, e deu bastante risada.

MSN 

Após protestos, presidente do Paraguai demite ministros das pastas da Educação e da Mulher

Depois de noite de protestos, o presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez, demitiu neste sábado (6.mar.2021) os ministros Eduardo Petta (Educação) e Nilda Romero (Mulher), além de seu chefe de gabinete, Ernesto Villamayor. O ministro da Saúde do país, Julio Mazzoleni, já havia renunciado ao cargo na noite de 6ª feira (5.mar), pouco antes dos manifestantes irem às ruas. Julio Borba assumirá a pasta.

Os atos reuniram milhares de pessoas em frente ao Palácio Legislativo, em Assunção. Criticavam a gestão de Abdo Benítez no combate à pandemia do novo coronavírus. Ao menos uma pessoa morreu, e outras 20 ficaram feridas. As trocas foram anunciadas em pronunciamento oficial na televisão.

Com uma população de mais de 7 milhões de pessoas, o país vacinou só 0,1% dos habitantes. Hospitais estão lotados, e alguns ameaçam colapso. Segundo a plataforma Worldometers, o Paraguai contabiliza até às 21h30 deste sábado (6.mar) 166.969 casos confirmados de coronavírus, com 3.294 mortes.

PODER360

Anitta foi a mulher mais pesquisada do Brasil em 2020; leia lista completa

A cantora e empresária Anitta foi a personalidade nacional feminina mais pesquisada na internet brasileira em 2020, com 636.167 buscas mensais, em média. A apresentadora global Ana Maria Braga ficou em 2º lugar (309.500), seguida da cantora Jojo Todynho (304.167), vencedora do reallity show A Fazenda, da TV Record.

A única política na lista, em 5º lugar, é Manuela d’Ávila (PC do B), que foi candidata à Prefeitura da Porto Alegre no ano passado. Foi ao 2º turno, mas perdeu para Sebastião Melo (MDB). O levantamento foi feito pela empresa de marketing digital Semrush.

Em relação a temas pesquisados, o empoderamento feminino encabeça a lista, com 1.157% mais buscas em janeiro de 2021, na comparação com janeiro de 2020. Dúvidas sobre licença maternidade aparecem em seguida no interesse das brasileiras.

Eis os temas. Ao lado, a porcentagem de aumento de buscas na comparação de 1 ano para o outro:

O que é o empoderamento femino?: 1157%
Quanto tempo de estabilidade após a licença maternidade 2020?: 860%
Qual a importância de um planejamento financeiro?: 800%
O que é empreendedorismo feminino?: 266%
Quando recebo a primeira parcela da licença maternidade?: 222%

CENÁRIO INTERNACIONAL

A vice-presidente dos Estados Unidos, Kamala Harris, liderou as buscas feitas pelos brasileiros quando considera-se apenas as personalidades femininas internacionais. Teve, em média, seu nome pesquisado 96.433 vezes por mês ao longo do ano passado. Ela foi eleita em novembro de 2020, na chapa com Joe Biden.

A atriz e ativista Jane Fonda fica em 2º lugar (58.667 buscas), seguida pelas também ativistas Malala (58.392) e Greta Thunberg (55.508). No fim da lista está a ex-vice-presidente dos Estados Unidos Michelle Obama (47.725).

PODER360

Mulher vítima de roubo encontra o próprio celular em site de vendas, marca encontro e recupera aparelho


Imagem: arquivo pessoal

Uma mulher que teve o celular roubado em um assalto localizou o aparelho em um site de vendas, se passou por cliente, marcou um encontro e mobilizou a Polícia Militar, que recuperou o objeto. O caso aconteceu em Praia Grande, no litoral paulista, e o suspeito foi liberado por ser menor de idade. A gerente de supermercado Thais Lopes Lira, de 37 anos, vítima do roubo, disse neste domingo (7) que ficou surpresa com o desfecho.

“Eu não esperava que isso fosse dar certo, ainda mais porque estou longe, mas deu. Foi inusitado”, brinca Thais.

A gerente conta que foi roubada no Terminal Rodoviário Tatico, no bairro Nova Mirim. Ela aguardava o marido trocar o bilhete para viagem quando atendeu a uma ligação, e teve o aparelho levado. Thais chegou a correr atrás do assaltante, sem sucesso. Como não conseguiu remarcar a viagem para Santa Catarina, precisou seguir sem o celular.

Inconformada com a situação, ela e o esposo passaram a procurar pelo aparelho em sites de vendas e anúncios nas redes sociais. O marido de Thais viu o telefone sendo anunciado poucas horas depois do roubo, e a vítima reconheceu o celular. Mesmo em viagem, ela decidiu chamar o suposto vendedor e se passou por cliente para tentar recuperar o item.

Por estar longe, a vítima acionou um amigo policial que atua na cidade. Passando a localização e as características, pediu que ele fosse ao encontro do rapaz para conseguir pegar o aparelho. No dia combinado, o amigo, que estava de folga, foi ao local e conseguiu abordar o adolescente, pedindo apoio de outro policial.

“Meu amigo ainda fez uma chamada de vídeo, para eu ver se era mesmo o celular, e reconheci o menino, que foi levado até a delegacia”, explica Thais. O suspeito foi encaminhado à Delegacia Sede do município, onde foi registrado um boletim de ocorrência de ato infracional. O jovem, que tem apenas 15 anos, foi liberado sob responsabilidade de familiares.

“Ele tem 15 anos, não sei se fico mais brava ou triste com esse tipo de situação”, declara Thais. Apesar de inusitado, esta não foi a primeira vez que a gerente passou por isso. Ela relata que já recuperou outro aparelho, após o filho ser assaltado. Na primeira ocasião, ela foi com o marido e conseguiu o celular de volta.

O aparelho ficou na delegacia, e quando voltar da viagem, Thais poderá retirar o item. “Precisei comprar outro, mesmo sem dinheiro, por uma emergência, para conseguir viajar. Esse [o roubado] vai ficar para alguém de casa”, finaliza.

G1

Enfermeira atravessa rio andando para vacinar idosa na Paraíba

Foto: reprodução

Para vacinar uma idosa contra a Covid-19, a enfermeira paraibana Mayane Brito atravessou um rio andando. O gesto foi registrado na cidade de São José de Espinharas, mais especificamente na Zona Rural do município – localizado no Sertão paraibano.

De acordo com a equipe de imunização da cidade, foram vacinados a domicílio na última quinta-feira (4) todos os idosos com comorbidades e entre 80 e 89 anos na cidade. Ao menos 24 pacientes apresentavam as condições necessárias para receber as doses.

Contudo, a senhora seria a última a receber a dose por morar em local de difícil acesso. Em razão da condição, a enfermeira resolveu atravessar caminhando e precisou que alguém a buscasse de moto do outro lado para que ela chegasse até a casa onde a idosa reside.

“Não dava para atravessar de carro para ir vacinar essa idosa e só faltava ela. O carro ficou me esperando, eu atravessei a pé e eu pedi a uma pessoa amiga da senhora para me pegar de moto do outro lado do rio para eu poder vacinar a senhora”, afirmou.

Emocionada, ela disse que refletiu diante da possibilidade e desejo de que alguém fizesse aquilo pela mãe dela também. “Quando eu cheguei em casa nesse mesmo dia, me vi pensando que se fosse minha mãe – que infelizmente não está aqui mais hoje comigo, pois vai fazer cinco meses que ela faleceu – eu gostaria que um profissional de saúde atravessasse o rio para vacinar ela também”, completou.

Metrópoles

Flordelis ficou quase 17 horas com tornozeleira eletrônica sem bateria, atesta relatório

Relatório da Secretaria estadual de Administração Penitenciária (Seap) do Rio aponta que a bateria da tornozeleira eletrônica usada pela deputada federal Flordelis dos Santos de Souza (PSD) terminou 11 vezes de outubro até o mês passado. Em uma das ocasiões, segundo o documento, o equipamento da deputada ficou desligado por quase 17 horas. Quando a carga chega ao fim, o monitoramento é suspenso.

O relatório, ao qual O GLOBO teve acesso, foi enviado pela Seap à Justiça. Flordelis é ré em processo na 3ª Vara Criminal de Niterói na qual é acusada de ser mandante da morte do marido, o pastor Anderson do Carmo.

A deputada passou a usar tornozeleira eletrônica em 8 de outubro do ano passado, após uma determinação da juíza Nearis dos Santos Carvalho Arce, da 3ª Vara Criminal de Niterói. Pela decisão judicial, a deputada deve permanecer em casa das 23h às 6h. Somente no primeiro mês de uso, a bateria do equipamento terminou três vezes. Uma delas, no dia 31, quando o monitoramento ficou suspendo por quase 17h. A tornozeleira desligou às 6h56 e só foi religada às 23h51.

Consta, no relatório da secretaria, que ao comparecer à Seap para fazer a instalação, Flordelis foi orientada sobre a necessidade de carregar a tornozeleira eletrônica. Para recarregar o aparelho, é preciso ficar conectado a uma tomada.

O monitoramento eletônico é uma das medidas cautelares previstas no Código de Processo Penal. O descumprimento dessas medidas pode acarretar na decretação da prisão do réu. No entanto, Flordelis tem imunidade parlamentar e só pode ser presa em flagrante delito por crime inafiançável, conforme determina a Constituição Federal.

No relatório, consta ainda que em 15 ocasiões Flordelis não estava em casa entre nos horários estabelecidos pela juíza. Em 14 delas, segundo o documento, a deputada estava em deslocamento para Brasília. Já em um episódio, a pastora estava no fórum de Niterói, em audiência no processo no qual é ré.

No documento, consta ainda um rompimento da tornozeleira eletrônica. No entanto, o EXTRA constatou que isso ocorreu no momento em que Flordelis estava na Seap instalando a tornozeleiran eletrônica. Todos os episódios de término de bateria, permanência de casa fora dos horários permitidos e rompimento de tornozeleira são considerados, pela secretaria, violações ao uso do equipamento. O relatório que consta no processo foi gerado pelo Sistema de Acompanhamento de Custódia da secretaria no último dia 23.

O GLOBO procurou a assessoria de imprensa de Flordelis para que a parlamentar explicasse as violações que constam no documento, mas não houve resposta até a noite dessa segunda-feira.

O GLOBO

Globo testa participantes do ‘BBB21’ para Covid-19

O público ficou preocupado com alguns sintomas dos participantes na casa do “BBB21”. Como Caio disse que não estava sentindo gosto da comida esta semana, os fãs do programa e a emissora se preocuparam, já que este é um dos principais sintomas da Covid-19. Porém, o próprio participante considerou que a perda do paladar poderia ter acontecido por conta da quantidade de remédios que ele está tomando para tratar a fratura que ele sofreu no pé.

Outro caso foi o de Carla Diaz, que também relatou não estar sentindo o gosto da comida normalmente.

Na última quarta, a Globo testou todos os participantes da casa e comunicou que os resultados foram negativos.

Leia a íntegra do comunicado.

“Por precaução e seguindo o protocolo de segurança, todos foram testados na manhã de quarta-feira, algo que já aconteceu anteriormente e pode se repetir, garantindo que a rotina de cuidados e protocolos preventivos ao Covid-19 sejam respeitados. Todos os resultados apontaram que os participantes negativaram para a presença de Covid-19. Lembramos que os brothers seguem sendo acompanhados pela equipe médica do programa durante todo o confinamento”.

Com informações do Extra

GRANDE PONTO

Homem atira em vizinha por causa do barulho que o cachorro dela fazia

Foto: Reprodução

Um homem atirou em sua vizinha após um discussão sobre o barulho que o cachorro dela fazia em um condomínio de Belo Horizonte, em Minas Gerais. A mulher de 40 anos foi baleada na noite dessa quinta-feira (25).

Segundo a polícia, o homem reclamava dos latidos e dos arranhões que o cachorro dela dava na porta do apartamento vizinho. O síndico marcou uma reunião na garagem para resolver a situação, mas o morador chegou armado ao local e atirou na mulher. Um dos disparos acertou a perna dela.

Ela foi socorrida pela PM e deu entrada em um hospital da cidade. O síndico não se machucou. Depois de atirar, o suspeito fugiu a pé. De acordo com a PM, a vítima e o autor moram no último andar do prédio, um de frente para o outro.

O homem havia se mudado há seis meses para o apartamento. O suspeito ainda não foi localizado e a polícia segue na investigação sobre o possível paradeiro do homem.

Último Segundo – IG

Uma mulher foi morta a cada dois dias em SP por feminicídio em 2020

Thais Alves era mãe de três filhos. Márcia Aparecida Mariano trabalhava como professora. Daice da Silva Mata tinha 68 anos e seguia a quarentena à risca. As três tiveram suas vidas, sonhos e planos interrompidos ao se tornarem vítimas de feminicídios durante a quarentena no estado de São Paulo no ano passado.

O ano de 2020 registrou 179 mortes de mulheres no contexto de violência doméstica ou um caso a cada dois dias. O número apresenta uma queda de 3% em relação a 2019, mas, no primeiro semestre, o indicativo era de alta: foram 88 casos em 2020 contra 85 no ano anterior.

O início do isolamento social impulsionou o aumento no número de feminicídios no primeiro semestre, segundo especialistas consultadas por Universa, com maior número de registros em abril, 21, cinco a mais do que o mesmo mês em 2019. A partir de julho, os índices começaram a cair.

“Abril foi realmente um mês atípico porque teve um aumento de 31% nos casos, isso nos preocupou bastante”, afirma Jamila Jorge Ferrari. coordenadora das delegacias da mulher do Estado de São Paulo. “Acendeu o alerta. Começamos a pensar em ferramentas para que esse isolamento não gerasse mais morte ou fosse pior para as mulheres que tinham que ficar, obrigatoriamente, em casa com seus agressores.”

Jamila destaca a criação da delegacia da mulher eletrônica, em que é possível registrar uma denúncia de violência doméstica pela internet. Mas salienta que a atenção dada ao tema por parte da sociedade como um todo, incluindo ONGs e imprensa, pode ter sido essencial para contenção dos casos. “Foi dada muita importância ao assunto para mostrar que era algo relevante, e porque já havia acontecido em outros lugares do mundo esse aumento de violência contra mulher e, consequentemente, do feminicídio.”

2020 foi primeiro ano de queda nos casos desde criação da lei

Desde a criação da Lei do Feminicídio, em 2015, o estado de São Paulo apresentava aumento gradativo nos registros. Tanto é que, na comparação de 2020 com 2018, o aumento foi de 32%. “Agora é que começa a aparecer essa queda, depois de um aumento progressivo ao longo dos anos. Precisamos verificar se essa curva vai continuar caindo para dizer com certeza se as políticas públicas e o engajamento da sociedade estão funcionando.”

A delegada ainda salienta que houve uma queda de 7,5% nas tentativas de feminicídio e aumento de 1% na concessão de medidas protetivas a pedido da Polícia Civil. “Acredito que estamos caminhando e, mesmo que esse aumento seja pequeno, significa que as mulheres estão mais cientes dos seus direitos.”

Uol.

Mulher tem casa invadida por desconhecido enquanto gravava vídeo dançando

Loading video

Uma enfermeira da cidade de Paranaguá (PR), a 90 km de Curitiba, teve a casa invadida por um desconhecido enquanto gravava um vídeo de dança.

No vídeo, é possível ver que o homem empurra o portão e invade a propriedade de Angela Gonçalves, que estava em casa com a filha de 11 anos.

Ele então entra na casa e pega Angela de surpresa, tentando agarrá-la. A mulher o expulsa da casa batendo nele com tapas e empurrões. No final, chega a dar uma voadora no sujeito, que foge.

Em seu perfil no Facebook, Angela publicou o vídeo, alertando para o perigo. Ela afirmou ter feito um Boletim de Ocorrência e que acredita que o homem entrou na casa atrás de sua filha.

“Gente, leiam pouco sobre psicopatia. Eu acho que esse cara me confundiu enquanto espiava no portão, com minha filha. Eu havia aberto portão uma meia hora atrás, porque recebi uma visita no portão, e, acabei não trancando de novo, para minha infelicidade. Eu lavrei um BO na Polícia Civil de Paranaguá”, escreveu a enfermeira.

“Alerta do vídeo, para cuidarem das crianças. Eles chegam assim, sorrateiros, oferecendo ajuda, doces, fingindo conhecer a família. São pessoas doentes por sexo”, escreveu Angela.

“A reação de sorrir para o indivíduo foi porque realmente no primeiro instante eu achar que o conhecia, mas ao entrar na minha casa e tentar me agarrar eu soco ele”, justifica ela.

Uol.

Andressa Urach volta ao Miss Bumbum e revolta evangélicos

Modelo agora é sócia do concurso que a alçou à fama

Andressa Urach está de volta ao Miss BumbumReprodução Instagram

Andressa Urach vem mostrando diariamente que está cada vez mais voltando às suas origens. Depois de colocar silicone, mudar os cabelos e até retocar uma tatuagem antiga no quadril, a ex-frequentadora da Igreja Universal agora anunciou seu retorno ao Miss Bumbum, concurso que a alçou à fama.

“Estou de volta ao @missbumbumbrasil, o maior concurso do Brasil e do mundo! Agora eu sou garota propaganda e também sócia do concurso. Estou ansiosa para conhecer as candidatas desta edição especial de 10 anos”, contou Urach, que acabou recebendo ainda mais críticas de internautas evangélicos que se mostraram decepcionados com as mudanças que a modelo vem passando depois que deixou a igreja de lado.

Do Blog: Não sou a pessoa mais indicada à opinar sobre tamanhas mudanças rsss, uma vez que eu tbm revolucionei a “Bléia” quando quebrei as algemas da religiosidade. Mas, acho que em tudo devemos ter limites e noção, tendo em vista que a causa da sua conversão foi a busca excessiva por tratamentos estéticos e em uma delas, ela quase morre. Foi lindo o testemunho, a mudança radical… é compreensível a revolta que os demais “tradicionais evangélicos” tenham em ver a velha Andressa ressurgindo.

O Dia.

Empresas fazem campanhas premiando quem acertar o percentual de votos que eliminará Karol Conká do BBB 21

Empresas dos mais variados segmentos estão aproveitando o engajamento nas redes sociais dos espectadores do BBB 21 e realizando promoções premiando clientes que acertarem o percentual de votos que eliminará a cantora Karol Conká do reality show da rede Globo.

Tem de tudo, desde jantar em motel a vouchers para comprar produtos de informática, peças de vestuário, sorteio de iPhones 12 e até prêmio em dinheiro, transferido via PIX. Em alguns casos, o simples palpite já vale desconto na prestação de serviços.

Vejam abaixo:

Anitta é internada com intoxicação severa, web especula COVID e irmão se irrita: ‘Respeito’

Anitta é internada devido a uma severa intoxicação alimentar. A cantora não tem previsão de alta até o momento já que precisa continuar recebendo os cuidados médicos. A funkeira, que protagonizou reality show no Carnaval, começou a sentir o mal-estar na última terça (16) e foi encaminhada para uma clínica no Rio de Janeiro.

No hospital, a artista está fazendo um tratamento contra a infecção e, por isso, precisará ficar mais um tempo internada no local. O Purepeople entrou em contato com a assessoria da dona do hit “Desce Pro Play” para saber atualizações sobre o quadro de saúde da famosa, porém, até o momento da publicação desta matéria, não obteve resposta. 

Irmão de Anitta critica rumor de internação da cantora por COVID

Após a notícia da internação de Anitta ser divulgada, alguns rumores começaram nas redes sociais. Alguns seguidores especularam que o motivo do mal-estar da funkeira seria o diagnóstico positivo para o novo coronavírus, após curtir reality show com famosos. Irmão de Anitta, Renan Machado comentou sobre o assunto e negou as especulações. 

“Passando só para dar um recado porque está saindo um monte de especulação e saindo um monte de coisa que não tem sentido na internet sobre a internação da minha irmã. Sim, ela está internada, sendo medicada e tratada. Vim esclarecer que não é Covid. Assim que ela chegou aqui, ela foi testada, deu negativo”, garantiu o empresário. Logo na sequência, ele ainda publicou um teste negativo de Covid-19 com o primeiro nome da cantora.

MSN.

Maitê Proença revela segredo para manter a vagina jovem: ‘Exercício diário’

Maitê Proença, de 63 anos, respondeu hoje uma pergunta inusitada de um seguidor em seu perfil no Instagram. Questionada sobre como faz para manter sua vagina jovem, a atriz não pestanejou e compartilhou seu segredo.

“A minha Vagina? Eu me relaciono com ela. Eu sei que ela está ali, eu olho pra ela e faço exercícios para ela. Exercícios de contração diariamente, inclusive quando estou malhando. Na hora de expirar eu contraio”, contou a artista.Ver essa foto no Instagram

UOL

Situação da pandemia no RN neste momento é ‘preocupante’, diz Sesap

O Governo do Estado classifica o momento atual da pandemia do novo coronavírus no Rio Grande do Norte como preocupante, delicado e complexo, considerando o aumento no número de casos confirmados, as constantes aglomerações intensificadas durante os dias de carnaval e a ocupação dos leitos na rede hospitalar.

Se a população mantiver o mesmo comportamento, gerando aglomerações como as ocorridas no carnaval na praia de Pipa, por exemplo, a expectativa dos gestores é de que a situação deverá se agravar. Atualmente, 74,21% dos leitos críticos destinados a pacientes com covid-19 no RN estão ocupados.

Com Tribuna do Norte

Perlla pede que homens parem de enviar nudes para ela: “Que coisa horrorosa”

cantora Perlla fez um desabafo no Instagram na noite desta quinta-feira (11). Ela contou que costuma receber fotos de homens exibindo genitálias por mensagens privadas no Instagram.

“Gente, vou falar de novo: mulher não sente atração por homem que manda foto de pinto. Que coisa feia, gente. Eu estou cansada de olhar as mensagens no meu privado e ter homens assim”,disse ela. “A gente acha ‘mulher não se valoriza’, mas tem muito homem que não se valoriza. Que coisa horrorosa”, continuou.

A cantora afirmou que costuma bloquear quem envia esse tipo de imagem não solicitada e pediu que os “fãs” parem com o envio. “Eu não sei mais o que fazer nessa internet, sinceramente. Às vezes eu tenho vergonha”, lamentou. “Não fica mandando foto, eu já te bloqueei duas vezes, já fez outro perfil. Esse é um dos… por isso que não gosto de ler mensagem privada”.

Marie Claire.

Influenciadora potiguar Romagaga chora ao perder conta de 1,6 milhão de seguidores no Instagram

Romagaga, famosa na internet por conta de seus vídeos humorísticos, teve sua conta no Instagram desativada.

A influenciadora, que tinha cerca de 1,6 milhão de seguidores na rede social, gravou um vídeo chorando em uma nova conta na plataforma, que já ganhou 230 mil seguidores em dois dias, pedindo apoio de celebridades e doações dos fãs, afirmando que a suspensão foi gatilho para um episódio de depressão e lamentando não poder ajudar a mãe financeiramente, já que a publicidade online era sua única fonte de renda.

“Só sinto vontade de chorar. A perda do Instagram só foi o estopim para eu entrar numa depressão. Há muito tempo eu vinha sofrendo calada. Aquela Romagaga feliz de antigamente, que fazia as pessoas rirem, morreu há muito tempo. Tenho medo de não sair dessa”, falou ela no vídeo, gravado em sua casa em São Paulo.

“Quem me acompanhou sabe que antigamente eu era feliz, não tinha tempo ruim, enfrentava tudo… mas hoje me encontro fragilizada, perdi minha alegria, eu já tirei tantas pessoas da depressão com meus vídeos engraçados e hoje sou eu quem estou em depressão”, lamentou a influenciadora, afirmando que a mãe é seu “combustível” para não “fazer uma besteira”.

No pronunciamento, Romagaga contou que perdeu sua conta antiga no Instagram em dezembro, mas que só agora decidiu se pronunciar. Ela não detalhou quais foram os motivos que culminaram na suspensão, dizendo apenas que foi “da noite pro dia”, e que acionou uma equipe de advogados para tentar reverter a situação.

Uol.

Marina Elali é a primeira artista brasileira a cantar hino dos EUA em evento do FBI

A convite da direção do FBI e em conjunto com o escritório La Luna Productions LLC, a cantoraMarina Elali participou de duas cerimônias oficiais da agência americana cantando Ave Maria e o hino nacional dos Estados Unidos, no último final de semana, 6 e 7 de fevereiro, no Hard Rock Stadium, em Miami na Flórida.

“Fiquei muito honrada. Nunca pensei que um dia eu fosse cantar numa Cerimônia Oficial Americana tão importante. Interpretar “Ave Maria” olhando para a família dos agentes foi muito emocionante. E cantar o Hino Americano foi uma grande responsabilidade”, contou a artista, emocionada. publicidade

Os dois eventos aconteceram em homenagem a dois agentes especiais do FBI, Laura Schwartzenberger Daniel Alfin, que foram assassinados dias antes. Além de familiares e do Diretor do FBI, Christopher Wray, estiveram presentes representantes da CIA, Casa Branca, do Departamento da Florida Highway Patrol, Miami Dade Police Department, Broward Sheriff’s Office e U.S. Marshalls Office.

Morando em Miami desde o início da pandemia, Marina tem dividido o seu tempo entre os cuidados com a filha Luna, de 1 ano e 7 meses, a casa, lives beneficentes e o lançamento de clipes de Faz Tempo, Vai e Quem Ama, suas músicas autorais.

“Após uma turnê (dezembro/ janeiro/ fevereiro) no Brasil com o maestro Eduardo Lages (Show “Sucessos do Rei” onde interpreto Roberto Carlos), vim passar uma temporada aqui. Aí começou a pandemia e fiquei… ia voltar em maio para fazer outra turnê, mas foi tudo cancelado. Assim que as coisas se normalizarem, vou voltar para fazer shows”, avisa Marina.

Terra.

Casal cai em blitz e mulher descobre que companheiro usava nome falso há 12 anos para esconder crime

Foto: Polícia Rodoviária Federal/Divulgação

Uma abordagem da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR-381, em Igarapé, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, terminou com um homem preso, na tarde desta quarta-feira (10), e uma farsa de 12 anos.

Inicialmente, a PRF informou que o homem estava foragido há 14 anos; na verdade, ele era procurado há 12 anos. A informação foi corrigida na manhã desta quinta-feira (11).

Segundo o boletim de ocorrência, o homem, de 38 anos, viajava com a mulher de Janaúba, no Norte de Minas Gerais, para Itanhaém, no litoral de São Paulo.

Durante a abordagem, o motorista apresentou um documento falso. Foi aí que os policiais e a mulher descobriram que ele usava os dados do sobrinho para se esconder da polícia desde 2009.

De acordo com a polícia, o homem fugiu do presídio de Janaúba, onde cumpria pena por latrocínio. Nestes 12 anos, ele se passou pelo sobrinho, que tem idade parecida. Ele mudou para o estado de São Paulo e conheceu a companheira, com quem vive há três anos.

Os policiais contaram que a mulher ficou em estado de choque ao saber que o homem tinha um nome diferente e estava foragido.

O casal estava em Janaúba, visitando os parentes dele. A mulher disse que nunca desconfiou, já que os parentes sempre o chamavam por apelido.

O homem foi levado para a sede da Polícia Federal e vai responder também por uso de documentos falsos.

G1 -MG