Após Nego do Borel acusar Duda Reis de cometer mais de 30 crimes, atriz faz desabafo: “Agressor tentando calar a vítima”

Mais um capítulo da história envolvendo Duda Reis e Nego do Borel… Após ser acusado por agressão e violência doméstica por duas ex-namoradas, Leno Maycon Viana Gomes prestou uma queixa-crime contra Duda Reis, pedindo sua condenação por 31 crimes, incluindo calúnia, injúria e difamação. Nesta quinta-feira (22), ela desabafou nas redes sociais sobre a atitude do funkeiro.

A queixa-crime foi protocolada na 38ª Vara Criminal do Rio de Janeiro. Nego do Borel já havia entrado na justiça contra a atriz, pedindo que ela fosse impedida de citar o seu nome, mas sem sucesso. Ele alega que Duda usou as redes sociais para publicar uma série de vídeos com o intuito de prejudicar a sua imagem, enfatizando que a atitude da ex seria crime e não uma boa ação para conscientizar as mulheres. Recentemente, o cantor foi indiciado por crime de lesão corporal contra Swellen Sauer, a outra vítima.

No processo, ele diz que seu objetivo não é calar a vítima em relação aos supostos abusos sofridos e denunciados, o que foi prontamente contestado pela atriz. “E mais uma vez o agressor tentando calar a vítima. Até quando, Justiça Brasileira? 31 acusações do próprio agressor para com a vítima que o denunciou… uma vergonha e um desserviço! Humilhante, depois de denunciar as mesmas coisas [feitas] com diversas ex-companheiras, receber isso. Exausta”, iniciou ela.

Duda continuou com o desabafo, publicando um trecho de uma notícia sobre o caso. “Sendo denunciada pelo agressor, apenas por… falar. Como algumas marcas ainda contratam homem que bate em mulher? Pra quem não está entendendo o que está acontecendo: macho agressor tentando calar a mulher vítima de violência doméstica”, escreveu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *