Museu de Paris proíbe entrada de mulher por causa de decote de vestido

Seguranças do Museu de Orsay, na França, barraram uma mulher sem dizer o porquê -só afirmaram que eram regras. Depois de uma discussão, gesticularam para o seu decote. Ela escreveu uma carta aberta em uma rede social. O museu, que tem ao menos dois dos quadros com mulheres nuas mais famosos do mundo, pediu desculpas.

Os seguranças do Museu d’Orsay, em Paris, um dos mais importantes da França, barraram a entrada de uma mulher que, na opinião deles, usava um decote muito grande. Ela só foi liberada depois de se cobrir.

Em uma rede social, o museu afirmou ter se arrependido do incidente e pediu desculpas.

A mulher se identifica apenas como Jeanne, uma estudante de literatura. Ela descreveu sua ida ao museu em um dia quente. Na entrada, ela ouviu que não poderia entrar.

G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *