Campari, cerejas e beijos de luz. Conheça Estevão Ferreira, o fenômeno do WhatsApp

Estevão Ferreira disse estar se preparando para aparecer ao público que tanto aclama por ele 

Estevão Ferreira, o rei do WhatsApp, disse que sonha em “viajar para outro planeta antes de morrer” Foto: DIVULGAÇÃO

Além de empresário, Estevão também é poeta, e é daí que vêm as inspirações dos áudios. “São da minha própria alma. Sempre gostei de escrever poemas, tenho um caderno cheio de poesias. Fiz até uma canção para Elba Ramalho, a ‘Balaio de amor'”, contou.

O poeta revelou que sonha em conhecer outro planeta antes de morrer. “Porque aqui na terra eu já conheci tudo”.  Ele contou, ainda, que já recebeu convite para fazer dois clipes de grupos diferentes. Um, é a banda Cristalinos, da Paraíba, e o nome do outro grupo não foi revelado para a reportagem do JC. Estevão também disse estar recebendo ligações de vários Estados do Brasil e também de outros Países. “Estou nessa situação, recebendo ligações de Brasília, Paraná, João Pessoa, Canadá, Austrália, Japão”.

O produtor de Estevão Ferreira informou que ele ainda não tem redes sociais oficiais e será criada “ainda nesta semana”, os perfis criados com o nome dele não são oficiais. Ele também anunciou que uma live será feita por Estevão Ferreira.

Fama também tem lado difícil

O fenômeno do WhatsApp não vive só de galmour. A fama também tem seu lado difícil de lidar. Estevão contou sofrer de depressão há alguns anos, e disse ter recaídas atualmente por conta da grande quantidade de pessoas mandando mensagens.

Ele afirmou estar empenhado no tratamento para logo aparecer ao público. “Ainda não tive melhora, porque tem dias que acordo e nem abro os áudios, que chegam a 2.700, três mil por noite (enquanto está dormindo) e às vezes é uma coisa que eu não estou suportando. Foi um sucesso repentino que estourou. Estou me tratando, mas vou aparecer com todo o gás quando tiver uma melhora”.

https://mobile.twitter.com/EstevaoFOficial/status/1284982291354320896/photo/1

Ouça os bordões de Estevão Ferreira

“A maior loucura que eu fiz por amor foi quando eu me separei em 2005 de uma pessoa que eu amava muito, fui para o aeroporto e consegui parar o avião dizendo que tinha um traficante dentro do avião, e consegui arrastar a pessoa de volta pra mim. Estevão Ferreira” 

“Galera, me perdoe, mas hoje eu estou totalmente bicado curtindo Madonna, tomando Campari com morangos porque não tinha cereja em Vertentes. Me perdoe por estar ausente, é que estou bicado. Um beijo de luz, Estevão Ferreira”. 

“Alguém de vocês já fizeram sexo numa lancha em alto mar tomando Campari? Estevão Ferreira”. 

“Não, eu não gosto de violência na hora do sexo, eu gosto de carinho, amor. Estevão Ferreira”. 

“Eu não penso em nada, e ao mesmo tempo, em mil fantasias, sem nomes e sem nexos. Estevão Ferreira”.

JC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *